28 de ago de 2012

VIRTUDES CARDEAIS

“Visitas a terra e a regas, enchendo-a com tuas riquezas. O rio de Deus está cheio de água; fazes crescer o trigo para os homens. Assim preparas a terra: irrigas seus sulcos, aplanas os torrões, molhas a terra com as chuvas  e abençoas seus germes” (Sl 65,10-14).
A ciência do santo é a prudência (Pv 9,10).
Eis que meu servidor procederá com prudência (Is 52, 13).
Todo aquele que ouve minhas palavras será comparado ao homem prudente que constrói a sua casa sobre a rocha (Mt 7,24).
Sede prudentes como as serpentes e simples como as pombas (Mt 10,16).
Servidor bom e prudente, entra na alegria do teu Senhor! (Mt 24,25)
Justiça
Tu fazes ao pobre e ao oprimido (Sl 9).
Quem habitará em Tua Tenda, quem há de morar em Teu Monte Santo? Quem anda direto e pratica a justiça, quem diz a verdade que está em seu íntimo (Sl 14/15,2).
Ò homem, já te foi revelado o que é bom! O que Deus quer de ti! Somente praticar a justiça, amar a fidelidade e caminhar humildemente com teu Deus! (Mq 6,11).
Porque eu vos digo: se vossa justiça não ultrapassar a dos escribas e fariseus, não entrareis no Reino dos Céus (Mt 5,20).
Lembrete:
Buscai acima de tudo o Reino de Deus e sua justiça, e tudo vos será dado por acréscimo (Mt 6,33).
Não julgueis pelas aparências, mas pel reta justiça (Jo 7,24).
Por um só ato de justiça chegou a justificação da vida para todos os seres humanos (Rm5,18).
O Reino de Deus não é comida e bebida, mas justiça, paz e alegria no Espírito Santo (Rm 14,17).

Nenhum comentário:

Postar um comentário