22 de ago de 2012

ORGULHO E HUMILDADE

“Foi bom para mim ser humilhado, para aprender teus estatutos” (Sl 119,65-72).
Intercessão
Pôr-se em contato com Cristo. Imagina-te inundado com Sua luz, vida, poder. Imagina que tu colocas as mãos sobre cada pessoa que amas. (Habita) Mora em cada uma. Pede que o amor de Cristo desça sobre ela (sem palavras). Vê-la iluminada com a vida e o amor de Cristo. Vê-la transformada.
Quando te sentires cansado, regressa à presença fortalecedora de Cristo e descansa nela por um momento. Quando estiveres reabastecido, volta a impor as mãos.
Faça o mesmo a cada pessoa confiada aos teus cuidados; por quem tenhas a obrigação de orar; por teus “inimigos”; por aqueles de quem não gostas; pelos que não gostam de ti.
O poder de Cristo passa por tuas mãos a cada uma delas.
É do coração humano que saem todas as intenções malignas: prostituições, roubos, assassínios, adultérios, ambições desmedidas, maldades, malícia, devassidão, inveja, difamação, orgulho (arrogância, soberba), insensatez (Mc 7,22).
A caridade é paciente, prestativa, não é invejosa, não se exibe, não é orgulha (1Cor 13,4).
Inveja X Amor ao Próximo
Pilatos sabia que eles lhe tinham entregue Jesus por inveja (Mt 27,18).
Não sejamos cobiçosos de vanglória... invejando-nos uns aos outros (Gl 5, 26).
Alegrem-se com os que se alegram (Rm 12,15).
Ira X Mansidão, autodomínio
Meditação:
Todo o que se irar contra seu irmão será levado a julgamento (Mt 5,22).
Que cada qual seja pronto para ouvir, lento para falar, lento para irar-se (Tg 1,19).
Bem-aventurados os mansos, porque eles possuirão a terra (Mt 5,4).

Nenhum comentário:

Postar um comentário