2 de set de 2012

O OLFATO

“Cheio de angústia, orava com mais insistência ainda, e o suor se lhe tornou o semelhante a espessas gotas de sangue que caíam por terra” (Lc 22,43).
Pôr-se em contato com Cristo. Imagina-te inundado com Sua luz, vida, poder. Imagina que tu colocas as mãos sobre cada pessoa que amas. (Habita) Mora em cada uma. Pede que o amor de Cristo desça sobre ela (sem palavras). Vê-la iluminada com a vida e o amor de Cristo. Vê-la transformada.
Quando te sentires cansado, regressa à presença fortalecedora de Cristo e descansa nela por um momento. Quando estiveres reabastecido, volta a impor as mãos.
Faça o mesmo a cada pessoa confiada aos teus cuidados; por quem tenhas a obrigação de orar; por teus “inimigos”; por aqueles de quem não gostas; pelos que não gostam de ti.
O poder de Cristo passa por tuas mãos a cada uma delas.
. Que perfumes e ar limpo senti hoje? Agradeci? Senti, interiormente, o perfume das boas ações e bons testemunhos pelo mundo afora? O que posso agradecer?
. Que mau cheiro senti hoje? Senti perfume disfarçando maldade, malícia, mau conselho, má intenção, má ação, o cheiro de lobo disfarçado em pele de ovelha? O que fiz? O que devo fazer?
. Agradeci o bom cheiro da comida, de uma flor, de um perfume, da chuva na terra?
Meu Criador. Concede-me sensibilidade para perceber o que não presta e não convém, e assim repelir toda tentação e sedução que me assaltarem! Concede-me sensibilidade para sentir teus apelos, convites, inspirações que me vierem interiormente ou pelas tuas criaturas! Amém!
Lembrete:
Como é a sua fé no Ressuscitado? Como a de “Simão” ou como a de “Pedro”? continua individual, intimista? Ou já cresceu, desabrochou, deu fruto, já edifica a comunidade e constrói a mesma? Sua fé já serve aos demais? Já canta alegre com os outros irmãos e irmãs?
“Nós vimos o Senhor! Ele ressuscitou!”
Vivemos na suave fragrância do Senhor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário