3 de set de 2012

O GOSTO

“A fidelidade brota da terra e a justiça se inclina do céu. Quando o Senhor conceder o seu bem, a nossa terra dará o seu fruto” (Sl 85,12-14).
Invocar o Espírito Santo sem cuja ajuda é impossível pronunciar o nome de Jesus frutuosamente. Imaginar Jesus diante de ti. Pronunciar o NOME de Jesus com diferentes atitudes ou sentimentos; adoração, amor, confiança, entrega, desejo, arrependimento.
. O que saboreei hoje? Como agradecer a ti, bom Deus, o gosto do alimento? Agradeci o paladar da manga e da laranja? Do feijão com arroz? Do copo de água fresca? Da limonada? Do cafezinho?
. Devo pedir perdão de alguma desordem no comer e no beber? Preciso de cura? Preciso de humildade para procurar ajuda? O que vou fazer?
. Dei gosto a alguém? Amargurei, dei desgosto a alguém? O que devo fazer amanhã?
Meu Bom Jesus, que saboreaste o pão de cada dia em Nazaré, fruto da terra e do trabalho de Maria e de José, concede-me que eu me alimente e ajude os que têm fome a terem o alimento necessário! Que eu não me contente em dar esmolas, mas procure, com a Igreja e a sociedade, empenhar-me para lutar contra as injustiças e corrupção que tiram o pão da boca dos pequeninos. Amém!
A palavra “glória” significa “brilhar, ser agradável, louvar, celebrar, glorificar”. No coração desta raiz reside a idéia de irradiação, donde a idéia de transbordamento de alegria e louvor a Deus.
Meu filho, quando te alegras em mim e tua boca se enche de ações de graças, opera-se uma maravilhosa transformação em ti. Minha glória preenche todo o seu ser. Essa glória que me tributas se comunica a ti. Tu és o primeiro a partilhar da glória que me dás.
Lembrete:
É uma tradição cristã que a meditação dos passos da Paixão do Senhor consola e fortalece o discípulo no seguimento do Mestre, Jesus. De fato, entre tantos desamores, decepções, lutas e derrotas, contemplar a fidelidade do Amor até o extremo e animador e restaura a esperança. O propósito da meditação é levar a vivenciar na oração, a força libertadora dos passos do Senhor, dos seus “mistérios” e de seu amor, que se revela e recria quem o acolhe.
Quando aspiras a algo de todo o teu coração, eu sei porque vi seu coração. Muitos de teus desejos são inspirados por mim. E como eu também desejo esses bens e habito em ti pelo poder e presença do Espírito Santo, sentes os mesmos desejos. Às vezes pensas que tua aspiração é original e que ela vem de ti, quando na verdade não é assim, vem de mim porque gosto de você!

Nenhum comentário:

Postar um comentário