21 de mar de 2012

Um desejo se torna realidade

Lucas 2.2-38
Quando Jesus completou oito dias, seus pais o levaram ao templo para que recebesse seu nome e fosse abençoado.
Segundo a lei hebraica, era o que os pais tinham de fazer. Era uma das regras dadas por Deus a Moisés havia muito tempo: os pais deveriam agradecer a Deus por seus filhos.
Para continuar a ler clique abaixo.
Assim que os dois terminaram de dar graças a Deus, viraram-se e viram um homem muito velho que os observava. Ele olhava para o bebê que Maria carregava carinhosamente nos braços. Maria sorriu, e o velho se aproximou.
Ele esticou a mão e acariciou a cabeça de Jesus. Em seguida, pegou a criança e a segurou no colo. "Eu lhe agradeço, Senhor, já posso ir em paz", disse. "Acabo de ver a Luz que irá mostrar ao mundo inteiro o caminho de Deus."
José e Maria ficaram muito impressionados com tudo o que o velho Simeão lhes dizia. Ele contou que Deus lhe prometera que não morreria sem antes ver o Messias. Fora o Espírito de Deus que dissera a Simeão que o Salvador estaria no templo naquele dia.
"Este é o Salvador", disse. "Por Jesus, muita gente irá mudar sua forma de pensar e se voltar para Deus. Outros ouvirão a verdade e se afastarão de Deus, mostrando o que realmente são." Ele então olhou para Maria. "E, assim como Jesus lhe trouxe alegria, você sentirá tristeza com o que acontecerá devido ao que Ele irá dizer e fazer."
Então, uma mulher idosa se aproximou.
O nome dela era Ana, e era abençoada por Deus. Ela ajudava o Senhor recebendo as mensagens Dele e mostrando aos outros o caminho para Deus.
O marido de Ana tinha morrido depois de apenas sete anos de casamento, e, desde então, ela vivera no templo, servindo a Deus e orando.
Ana olhou para o pequenino deitado nos braços de Simeão e disse: "Obrigado, Ó, Deus. Este é Aquele por quem esperamos tanto tempo. Ele salvará Israel".
Maria olhou para José. Havia acontecido tantas coisas desde que tinham ido para Belém que era difícil entender tudo o que estavam dizendo sobre Jesus. José passou o braço ao redor de Maria e, levando Jesus, deixaram o templo. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário