9 de mar de 2012

"Meu filho se chama João"

Lucas 1.57-79
Todo esse tempo, Zacarias continuava sem poder falar, por não ter acreditado no anjo Gabriel. Estava muito contente com a gravidez de sua mulher e esperava ansioso que o bebê nascesse.
Finalmente, chegou o dia de Isabel ter seu filho. Era um menino com olhos negros e brilhantes. A família e os vizinhos ficaram muito felizes por Isabel e Zacarias e riram e cantaram com eles.
Quando o menino completou oito dias, chegou, enfim, o momento de dar-lhe um nome. Naquela época, a maioria dos meninos recebia o mesmo nome do pai, mas, antes que os amigos e a família se manifestassem sobre isso, Isabel disse:
"O nome dele é João".
"O quê?", murmuraram. "Não há ninguém na família com esse nome. Por que ela quer chamar o menino de João?" Para ter certeza, perguntaram a Zacarias o que achava.
Como ele não podia falar, escreveu em uma pequena tábua: "Seu nome é João". Todos ficaram espantados.
Assim que terminou de escrever, Zacarias abriu a boca e voltou a falar! A primeira coisa que disse foi que Deus era grande. Ele agradeceu pelo filho, que se tornaria um profeta para preparar o caminho do Senhor, aquele que viria para salvar o povo.
Mas as pessoas que o ouviram ficaram temerosas. "No que esse menino irá se transformar, afinal?", perguntavam-se. Eles podiam ver que Deus estava de fato cuidando do recém-nascido. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário