25 de mar de 2012

Jesus cresce, De volta a Jerusalém

Mateus 2.19-23; Lucas 2.39
Alguns anos se passaram, e o malvado rei Herodes finalmente morreu. José tiinha levado Maria e Jesus em segurança para o Egito, e lá viveram, aguardando que uma palavra de Deus lhes dissesse quando poderiam voltar a Israel.
Uma noite, um anjo do Senhor voltou a aparecer nos sonhos de José. "Levante-se e leve o menino e sua mãe de volta para Israel, pois aquele que o queria matar está morto", disse.
Na manhã seguinte, José contou a boa notícia a Maria, e logo eles estavam a caminho de casa. Porém, ao chegar na parte de Israel chamada Judéia, ficaram sabendo que o filho de Herodes, Arquelau, estava no poder. Todos sabiam que ele era tão mau e cruel como seu pai fora, e, por isso, José levou a família para o norte da Galiléia. Voltaram para Nazaré, sua antiga aldeia.
Em Nazaré, José tinha uma carpintaria, e as pessoas o procuravam para consertar cadeiras e mesas. José serrava e martelava o dia inteiro, transformando madeira em móveis. Enquanto Jesus crescia, freqüentem ente ia até a oficina para ver José trabalhando. Quando José pedia ajuda, Jesus lhe entregava as ferramentas de que precisava.
À noite, José e Maria ensinavam a Jesus a história dos judeus e falavam sobre o amor de Deus. Mas, todo o tempo, os dois sentiam que seu filho sabia muito sobre Deus. Notaram que, desde bem pequeno, Jesus mostrava muita sabedoria. A família gostava bastante de ficar unida, compartilhando Seu conhecimento. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário