16 de dez de 2010

A mais bela criatura que a terra possuía.

Verei a Virgem humilde. Toda ela é um retrato modéstia, da compostura, do recato, da piedade. De nobre e real descendência, não se distingue das moças de sua terra senão pelo recolhimento, pelo espírito de oração, pela caridade e pela benevolência para com todos. Pobre de bens temporais, mas rica de virtudes e graças, era aos olhos de Deus a mais bela criatura que a terra possuía.

Nenhum comentário:

Postar um comentário