10 de dez de 2010

E no Natal, Jesus chega para nossa salvação.

Os que morrem terminam uma vida cheia de aflições, de desespero. Desse quadro etnográfico, vê-se claramente como o mundo estava precisando de um Redentor e de que Deus apressasse a sua vinda. Por isso, os Patriarcas e Profetas cada vez mais insistentemente forçavam o Céu com seus anseio: “Céus, lá de cima, derramai um orvalho e que as nuvens façam jorrar a justiça” (is 45,8). E no Natal, Jesus chega para nossa salvação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário