16 de fev de 2012

CUIDANDO DOS OUTROS

Êutico cai da janela
Atos 20.1-12; 1 CorÍntios 16.1-11
Enquanto Paulo estava em Éfeso, soube que as pessoas pobres de Jerusalém estavam passando fome. Então, ensinou que, na família de Deus, se alguém fosse pobre ou sentisse fome, os cristãos de outros lugares deveriam ajudá-lo.
Assim, Paulo pediu aos coríntios que economizassem o que fosse possível para os cristãos de Jerusalém. "Uma vez por semana, guardem alguma coisa. Dessa forma, quando eu chegar, haverá bastante para mandar a Jerusalém."
Logo em seguida, Paulo deixou Éfeso e, enquanto viajava, continuou a espalhar a Boa Nova de Jesus e a incentivar todos os que Nele acreditavam.
Visitou um lugar chamado Trôade. Na sua última noite por lá, encontrou-se com os fiéis e pregou para eles até tarde. A reunião aconteceu num salão no primeiro andar. Fazia muito calor. O ambiente cheio e o cheiro das lamparinas a óleo fizeram várias pessoas adormecerem.
Um jovem chamado Êutico estava sentado no parapeito de uma das janelas. Enquanto Paulo falava, ele foi ficando cada vez mais sonolento, até que acabou cochilando e despencou.
Os amigos precipitaram-se para baixo, achando que ele estaria muito machucado. Mas Êutico estava morto. Paulo, que estava com eles, tratou de tranqüilizá-los. "Não se preocupem!", disse, abraçando Êutico. "Vejam, ele está vivo!"
Felizes, todos voltaram para cima, onde jantaram e continuaram a ouvir Paulo até mais tarde. Quando ele finalmente se retirou, levaram Êutico para casa, maravilhados porque estava vivo. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário