25 de nov de 2011

A PROFISSÃO DE DEUS É PERDOAR

É costume entre os católicos confessar os pecados a um sacerdote e receber dele a absolvição, como sinal do perdão de Deus. Ora, sempre há o perigo de que os penitentes usem isso como uma espécie de garantia, um certificado que os protegerá do castigo divino, confiando mais na absolvição do sacerdote do que na misericórdia divina.
É isso que Perugini, pintor italiano da Idade Média, estava tentando fazer quando estava morrendo. Decidiu que não iria se confessar se, com medo, estivesse tentando salvar a pele. Isso seria um sacrilégio e um insulto a Deus.
Sua· esposa, que não sabia nada da disposição interior dele, perguntou-lhe, certa ocasião, se não temia morrer sem se confessar. Perugini respondeu:
- Veja as coisas deste modo, minha cara: minha profissão é pintar e me sobressaí como pintor. A profissão de Deus é perdoar e, se ele for tão bom em sua profissão quanto fui na minha, não vejo razão alguma para ter medo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário