1 de mar de 2011

A queda de Jerusalém

Uma semana antes de sua crucificação Jesus apontou ao Templo que estava sendo construído. Jesus falou: “Não vedes tudo isto? Em verdade vos digo que não ficará aqui pedra sobre pedra que não seja derrubada” (Mt 24,2). No ano 70, Tito o romano atacou Jersalém com 80.000 soldados. Tito mandou Josefus para falar com os judeus. Eles não ouviram. Afinal, no ataque centenas foram crucificados. Não tinham comida e Josefus falam que comeram os seus cintos e sapatos. Muitos morreram de fome. Não tinha bastante árvores para crucificar todos os judeus. De 600,000 homens, mulheres e filhos em Jerusalém só 97,000 ficaram vivos como prisioneiros. Não era o fim porque 135 d.C. Bar Kochba organizou uma revolução contra Roma com resultados mais desastrosos. Jesus falou corretamente, o Templo será destruído.

Nenhum comentário:

Postar um comentário