26 de jan de 2011

Diante de Deus e dos homens

Em todo nosso crescimento é diante de Deus e dos homens. Ambas as coisas são necessárias: é preciso procurar uma e não negligenciar a outra. De nada nos serviria crescer somente na estima dos homens, sem merecer a aprovação de Deus. Mas também não devemos contentar com crescer na virtude diante de Deus, e tê-lo contente conosco e com nossas disposições interiores; pois não estará completamente satisfeito com as nossa boas obras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário