15 de mai de 2011

(Lc 7, 11-16)

Lucas apresenta Jesus ressuscitando o jovem filho únivo da viúva de Naim: “E aconteceu que, no dia seguinte, ele foi à cidade chamada Naim, e com ele iam muitos dos seus discípulos, e uma grande multidão;E, quando chegou perto da porta da cidade, eis que levavam um defunto, filho único de sua mãe, que era viúva; e com ela ia uma grande multidão da cidade.E, vendo-a, o Senhor moveu-se de íntima compaixão por ela, e disse-lhe: Não chores.E, chegando-se, tocou o esquife (e os que o levavam pararam), e disse: Jovem, a ti te digo: Levanta-te. E o defunto assentou-se, e começou a falar.E entregou-o a sua mãe.E de todos se apoderou o temor, e glorificavam a Deus, dizendo: Um grande profeta se levantou entre nós, e Deus visitou o seu povo” (Lc 7, 11-16). A ressureição do jovem morto é sinal de que Jesus estava agindo como o próprio Deus, defensor e libertdador dos pobres e escluídos no meio do seu povo. Conhecendo uma pessoa que precisa de nossa obra que é uma solução para o abuso de álcool e outras drogas liga com Dra. Suely (19) 3794-2504.

Nenhum comentário:

Postar um comentário